sábado, 18 de fevereiro de 2012

Liberdade


Um dia ainda hei de te ver voar,
Rumo à tua existência.
Essa certeza permanecerá comigo:
De que encontrarás a estrada de tua vida.
E nada no mundo me encantaria mais.
Uma imagem insiste em minha mente
Um dia passearemos juntos,
Ao sabor e ao som de novos ventos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário