sábado, 13 de abril de 2013


A figura da mulher na mente dos homens se reveste de mistério, 
de irracionalidade, de perigos e de enigmas.
Ela encarna nas suas fantasias um "ser" de "duplo sentido":
A personificação da destruição e a semeadora de vida.
A figura do Bem e do Mal.
Morte e Vida se misturam na simbologia da Mulher.
A mulher decide sobre a "trindade"da vida do homem.
Sua própria vida.
Do começo ao fim
Nascimento - Amor  - Morte
Eis aqui a tríade da existência do homem.
Em primeiro:
A Mãe que lhe dá a vida.
Em segundo:
A Mulher Amada.
Em terceiro:
A Terra-Mãe que os recebe na morte.
No imaginário do homem circula a ideia da mulher "santa" entrelaçada
 à figura da "femme fatalle" e da pecadora.
Na verdade, são ambivalências que não fazem parte apenas da figura feminina, 
mas de todo e qualquer ser humano.
Somos feitos de opostos.
De carne e alma
De amor e ódio.
De guerra e paz.



Nenhum comentário:

Postar um comentário